Arquivo da tag: 13º salário

COMO CALCULAR O 13º SALÁRIO?

Como calcular o 13º? Essa é uma pergunta bastante frequente e que vamos respondê-la. 

O cálculo do 13º se torna bastante confuso quando começamos a falar de adiantamento, duas parcelas e descontos.

Porém depois desse artigo não lhe restará dúvidas de como realizar esse cálculo.

Portanto, para melhor entendimento da questão, o artigo será dividido em 2 partes:  (1) começou a TRABALHA EM JANEIRO ou ANTES, (2) começou a TRABALHAR DEPOIS DE JANEIRO.

1-COMEÇOU A TRABALHAR EM JANEIRO OU ANTES

Quem começou a trabalhar na empresa desde janeiro daquele ano, ou antes, recebe o valor total de um salário líquido, ou seja, um salário com desconto de INSS e Imposto de renda.

Porém, no caso de quem começou a trabalhar em janeiro, para que conte o ano todo é preciso que o funcionário tenha trabalhado 15 dias ou mais. 

Portanto, o cálculo acontece da seguinte maneira:

  1. Supondo que o salário bruto mensal é de R$2400,00
  2. Divida o valor do salário bruto por 12 meses= R$200,00
  3. Multiplique o valor pelos meses trabalhados até dezembro (x12)= R$2400,00

Contudo, esse valor não é pago de uma só vez, mas parcelado em duas vezes.

Assim, a primeira parcela acontece entre o primeiro dia de FEVEREIRO e o último dia útil de NOVEMBRO. Para calcular seu valor deve-se:

  1. Pegar a quantia anterior (R$2400,00) e dividir por dois, ou seja, a primeira parcela é de R$1200.

E a segunda parcela deve ser paga até 20 de dezembro, sendo que se esse dia não for útil o pagamento deve ser antecipado para o último dia útil.

Para pagar a segunda parcela:

  1. Pegue o valor do salário (R$2400,00) retire a valor da primeira parcela (R$1200,00) e desconte o valor do INSS e Imposto de Renda (IR).

SAIBA MAIS, APRENDA A CALCULAR O 5º DIA ÚTIL. 

2-COMEÇOU A TRABALHAR DEPOIS DE JANEIRO

Nessa situação em que o funcionário não trabalhou o ano todo, o 13º será proporcional à quantia de meses trabalhados.

É posto que tem direito quem trabalhou por 15 dias ou mais, pois a partir de 15 dias trabalhados o mês passa a ser contabilizado como inteiro.

Por exemplo:

  1. Bruna começou a trabalhar dia 01/05/2020, recebendo R$2.400,00 de salário bruto.
  2. Pegue R$2.400,00 divida por 12 meses= R$200,00
  3. Pegue R$200,00 e multiplique pela quantidade de meses trabalhados até dezembro= R$200,00 x 8= R$1600,00.

Esse valor será dividido em duas parcelas.

Sendo que a primeira será paga entre 1 de FEVEREIRO e o último dia útil de NOVEMBRO. O valor dessa parcela é encontrado da mesma forma que na primeira situação, portanto: 

  1. Pegue o valor encontrado (R$1600,00) e divida por 2 = R$800,00.

A segunda parcela deve ser paga até 20 de DEZEMBRO. Assim:

  1. Pegue os R$1600,00, subtraia o valor pago na primeira parcela (R$800,00) e desconte os valores do INSS e do Imposto de Renda.
Aprenda a calcular 13º com a UNICONT.
Aprenda a calcular 13º com a UNICONT.

 

E SE TIVER ALGUM ADICIONAL (hora extra, adicional noturno…)?

Em grande parte dos casos a empresa precisa que o funcionário fique um tempo a mais que seu horário estipulado pelo contrato ou faça um turno diferente do habitual. 

Portanto, é preciso que ambas as partes saibam que isso vai influenciar na contabilização do 13º salário. 

Assim, se tiver algum valor adicional eles devem ser somados ao valor do salário bruto do mês e para fazer o cálculo do 13º some o valor de todos os meses (com os adicionais inclusos), divida por 12 e realize o procedimento normal, que varia de acordo com a quantidade de meses trabalhados. 

SAIBA MAIS SOBRE AVISO PRÉVIO INDENIZADO X TRABALHADO

QUEM RECEBE OU NÃO RECEBE?

Recebe:
  • Todos aqueles que trabalharam mais de 15 dias na empresa;
  • Os que estão afastados por licença maternidade ou acidente;
  • Trabalhador com 15 faltas injustificadas não recebe o valor integral do mês;
  • Demissão que não seja por justa causa recebe o 13º referente aos meses trabalhados.
Não recebe:
  • Quem foi demitido por justa causa

CONCLUSÃO

Portanto, pudemos observar que calcular o 13º depende de diversos fatores e pode ser uma tarefa muito difícil, ainda mais se a empresa tiver muitos funcionários.

Dessa forma, recomendamos que contrate uma contabilidade para que esse serviço seja feito da maneira correta, sem que acarrete problemas futuros.

 

UNICONT CONTABILIDADE, HÁ MAIS DE 20 ANOS NO MERCADO.

FONE: (11) 9 6913-4128/ (11) 9 3043-6681/ (11) 9 4295-8771

 FACEBOOK: Unicont Contabilidade

 INSTAGRAM: @unicontcontabil

 YOUTUBE: UNICONT CONTABILIDADE

 

Escrito por Giovanna Ramos Villegas.